Constelar Home
menu
Um olhar brasileiro em Astrologia
 Edição 126 :: Dezembro/2008 :: -

Busca temática:

Índices por autor:

| A - B | C - D | E - F |
| G - L
| M - Q | R - Z |

Explore por edição:

1998 - 2000 | 2001 - 2002
2003 - 2004 | 2005 - 2006
2007 - 2008 | 2009 - 2010
2011 - 2013 |

País & Mundo |
Cotidiano | Opine! |
Dicas & Eventos |

ASTROMETEOROLOGIA

Chuvas torrenciais em Santa Catarina

Raul V. Martinez

Como prever fenômenos meteorológicos como a grande enchente de Santa Catarina? Os ingressos de Marte e Lua nos signos cardinais podem ser utilizados como indicadores de catástrofes climáticas?

A Meteorologia estuda fenômenos naturais ligados à atmosfera terrestre, como  furacões, interação oceano-atmosfera, El Niño, frentes frias, geadas, nevascas e acontecimentos severos que ocorrem em períodos curtos em regiões localizadas. Segundo a técnica ou o equipamento utilizado, se tem a Radiometeorologia, a Meteorologia com Radar, a Meteorologia por Satélites e a Astrometeorologia, fundamentada em princípios astrológicos.

Na hipótese astrometeorológica aqui considerada parte-se dos pressupostos:

  • que os fenômenos meteorológicos, como Forças da Natureza, estão correlacionados com Marte e com a Lua, cuja força gravitacional determina movimentos na superfície terrestre;
  • que os ingressos de Marte e da Lua em Áries indicam acontecimentos meteorológicos na região geográfica dos ingressos;
  • que os ingressos de Marte e da Lua nos outros Signos Cardeais concordam com as naturezas do fenômeno e do signo.

Chuvas torrenciais em Santa Catarina

As chuvas que vinham caindo sobre o Estado de Santa Catarina, desde o início de novembro de 2008, se intensificaram a partir do dia 21, causando mortes e destruição, principalmente nos municípios do norte do Estado, no Vale do Itajaí, e no litoral.

Até o dia 25 de novembro, quando as chuvas amainaram, a Defesa Civil estimava que os mortos poderiam passar de 100. Ao todo, 44 municípios do Estado enfrentaram alagamentos, deslizamentos, desabrigo, pessoas ilhadas, falta de água potável, de energia elétrica, de gás, de alimentos e de condução.

Quase todas as mortes foram por soterramento. Essas chuvas quebraram recordes nas estações climáticas catarinenses - foi o maior volume registrado para o mês de novembro desde que o Instituto Nacional de Meteorologia começou a fazer medições em Florianópolis, em 1961. Em Blumenau choveu 8 vezes a média histórica.

Ingresso de Marte em Áries – O ingresso de Marte em Áries, imediatamente anterior a 21.11.2008, construído para Blumenau, se deu às 11:06:16 (+3:00) de 15.05.2007 (fig.01 – com domificação Regiomontanus).

Ingresso de Marte em Aries

Marte ingressou na casa 8, próximo da cúspide da casa 9 - das Forças Superiores, inclusive aquelas da Natureza e de Egrégoras (*). A Lua (também associada à água), regente do Ascendente, está dignificada (acrescida) no Meio-Céu. Vênus, regente do Meio-Céu, está na casa 12. Urano, regente da casa 8, está em Peixes, signo interceptado nessa casa. Saturno, co-regente da casa 8, em detrimento em Leão, se opõe a Netuno – também associado à água (em quantidade oceânica), regente de Peixes.

(*) – No caso, Egrégoras que podem estar ligadas às tristes ‘tradições’ açorianas, a ‘farra do boi’.

Ingresso da Lua em Áries – O ingresso da Lua em Áries, imediatamente anterior a 21.11.2008, construído para Blumenau, se deu às 14:26:06 (+3:00) de 09.11.2008 (fig.02). A Lua, saindo da quadratura exata com Plutão e com Vênus, está na casa 1 (das coisas físicas, concretas); Plutão e Vênus estão na casa 10 (da repercussão), próximos do Meio-Céu. O primeiro regendo a casa 9, e o segundo regendo a casa 8. Urano, que no ingresso de Marte rege a casa 8 (das mortes e das perdas), agora está no Ascendente, em oposição a Saturno, co-regente da casa 12.

Ingresso da Lua em Áries

Ingresso de Marte em Câncer (as inundações) - O ingresso de Marte em Câncer, imediatamente anterior a 21.11.2008, construído para Blumenau, se deu às 07:01:21 (+3:00) de 04.03.2008 (fig.03).

Ingresso de Marte em Câncer

Marte ingressou em Câncer em oposição a Plutão, regente da casa 9. Netuno, regente do Ascendente, está na cúspide da casa 12, em Aquário. Também estão em Aquário, a Lua, Mercúrio, Vênus (regente da casa 8) e a Cabeça. O Sol e Urano estão em Peixes, na casa 12. Urano, dispositor dos astros em Aquário, está junto do Ascendente. No conjunto, são configurações que concordam com situações imprevistas, destrutivas e causadoras de sofrimentos.

Ingresso da Lua em Câncer (as inundações) - O ingresso da Lua em Câncer, imediatamente anterior a 21.11.2008, construído para Blumenau, se deu às 16:52:14 (+3:00) de 15.11.2008 (fig.04).

Ingresso da Lua em Câncer

A Lua ingressou em Câncer em oposição a Plutão, na casa 9, regente da casa 8. Na cúspide dessa casa 8 estão Mercúrio, o Sol e Marte, co-regente dessa casa. Vênus, regente do Ascendente, está na casa 9, junto de Plutão. Urano retrógrado e Saturno, regentes do Meio-Céu, estão em oposição fechada.

Ingresso de Marte em Capricórnio (os soterramentos) - O ingresso de Marte em Capricórnio, imediatamente anterior a 21.11.2008, construído para Blumenau, se deu às 17:54:06 (+3:00) de 16.01.2007 (fig.05).

Ingresso de Marte em Capricórnio

Marte ingressou em Capricórnio saindo da conjunção exata com a Lua (regente do Ascendente) e com Plutão. Marte exaltado, regente do Meio-Céu, está em oposição ao Ascendente. Na casa 8, em Aquário, estão Vênus (regente da casa 4, o solo) e Netuno (regente da casa 9), em oposição a Saturno (terra), retrógrado e em detrimento. Urano, regente da casa 8 (junto com Saturno), em Peixes, também está na casa 8, se aproximando da cúspide da casa 9.

Ingresso da Lua em Capricórnio (os soterramentos) - O ingresso da Lua em Capricórnio, imediatamente anterior a 21.11.2008, construído para Blumenau, se deu às 08:13:13 (+3:00) de 02.11.2008 (fig.06).

Ingresso da Lua em Capricórnio

A Lua, regendo a casa 8, ingressou em Capricórnio na casa 1, junto de Plutão no Ascendente, regente da casa 12. Saturno, na casa 10 está em oposição a Urano retrógrado na casa 4. Ambos em quadratura com Vênus (regente de Touro), em Sagitário, na casa 12 – casa dos sofrimentos e dos grandes animais.

No conjunto, esses seis ingressos concordam com a tragédia vivenciada a partir de 21 de novembro de 2008, constatação que nos leva novamente a perguntar: se esses ingressos tivessem sido corretamente interpretados, com alguma antecedência, até onde as conseqüências das chuvas inevitáveis poderiam ter sido menos catastróficas para a população como um todo?

Outros artigos de Raul V. Martinez.

Comente este artigo |Leia comentários de outros leitores



Atalhos de Constelar | Voltar à capa desta edição |

Raul V. Martinez - A chave secreta da Astrologia | Astrologia e Tarot: correlações |
Arcos de Profecção | Personagens da figura enigmática e posições planetárias |
Fernando Fernandes - Latinitude | Eloá Pimentel, a vítima do drama de Santo André |
Raul V. Martinez - Astrometeorologia | Chuvas torrenciais em Santa Catarina |
Fernando Fernandes - Entendendo Santa Catarina | A marca pisciana de Blumenau e Itajaí |

Edições anteriores:

Equipe de Constelar - Presságios 2008 | Constelar libera as gravações de 2008 e abre inscrições para Presságios 2009 |
Valeria Bustamante - Balanço das previsões para 2008 | O que Plutão tem a nos dizer sobre o aquecimento global |
Carlos Hollanda - Balanço das previsões para 2008 | A impotência de George W. Bush |
Dimitri Camiloto - Balanço das previsões para 2008 | A fragilidade do Estado vem à tona no final de 2008 |
Vanessa Tuleski - Simbolismo astrológico no cinema | I can't get no satisfaction |


Cadastre seu e-mail e receba em primeira mão os avisos de atualização do site!
2013, Terra do Juremá Comunicação Ltda. Direitos autorais protegidos.
Reprodução proibida sem autorização dos autores.
Constelar Home Mapas do Brasil Tambores de América Escola Astroletiva