Constelar Home
menu
Um olhar brasileiro em Astrologia
 Edição 178 :: Abril/2013

Busca temática:

Índices por autor:

| A - B | C - D | E - F |
| G - L
| M - Q | R - Z |

Explore por edição:

1998 - 2000 | 2001 - 2002
2003 - 2004 | 2005 - 2006
2007 - 2008 | 2009 - 2010
2011 - 2013 |

País & Mundo |
Cotidiano | Opine! |
Dicas & Eventos |

DEBATE

Dilma Rousseff: Virgem no Ascendente?

Angela Schnoor, Celisa Beranger, Divani Terçarolli, Fernando Fernandes

Passados dois anos de mandato, será que já temos informação suficiente para definir o Ascendente de Dilma Rousseff? Dos sete astrólogos consultados por Constelar, quatro chegaram a um consenso: o Ascendente é Virgem.

O que se sabe sobre o horário de Dilma Rousseff

Dilma Rousseff - foto oficialEm artigo anterior, de Novembro de 2010, apresentamos as informações desencontradas que existem sobre o nascimento de Dilma Rousseff: a primeira mulher a presidir o país nasceu oficialmente com o Sol em Sagitário, na data de 14 de dezembro de 1947, em Belo Horizonte, à noite. O horário divulgado na época da campanha eleitoral e dado como correto por muitos astrólogos foi o das duas da manhã (Ascendente no final de Libra ou início de Escorpião). Contudo, informações posteriormente publicadas na grande imprensa davam conta de que a presidente desconhecia seu horário de nascimento, já que a maternidade não guardara nenhum registro. Segundo uma tia de Dilma. o nascimento teria ocorrido perto da meia-noite, sem especificar se antes ou depois ou mesmo de que meia-noite (do dia 13 para o dia 14 ou do dia 14 para o dia 15). Há, portanto, quatro hipóteses para o Ascendente da governante: Leão, Virgem, Libra e Escorpião.

Constelar convidou 20 astrólogos para discutir o mapa de Dilma. Seis astrólogos, cada um utilizando uma diferente técnica, apontaram um Ascendente. Outros dois coletaram dados, levantaram hipóteses e optaram por não fechar a discussão por enquanto.

Das quatro hipóteses iniciais, uma delas - a do Ascendente Leão - parece definitivamente descartada. Virgem, por outro lado, recebeu quatro votos (Celisa Beranger, Angela Schnoor, Divani Terçarolli e Fernando Fernandes), enquanto os três votos restantes se distribuíram por Libra (Barbara Abramo) e Escorpião (Maurice Jacoel e Henrique Wiederspahn). Vejamos as contribuições:

Celisa Beranger: as progressões

Estudei um pouco as possibilidades antes da eleição e encontrei alguns resultados que indicariam o começo de Virgem em conjunção com Marte, isto daria por volta das 23 horas. As pessoas que conviveram com ela, inclusive uma amiga, dizem que ela é muito afirmativa e muito difícil de lidar. O irmão brasileiro apareceu em uma reportagem de O Globo em janeiro de 2011 dizendo que prefere manter-se afastado porque ela é de trato muito difícil. Citou a curiosidade de que ela adorava subir em árvores (Lua e Vênus em Capricórnio).

Dilma Rousseff, hipótese Marte no Ascendente

Acho mais provável o nascimento no dia 13 por causa da informação "próximo da meia-noite". Às 23 horas o Meio do Céu está distante 15º de Urano na 10, e o pai morreu repentinamente qaundo ela tinha 15 anos. Lembro que também havia uma marca importante de progressão na ocasião do nascimento da filha. Quando ela foi presa, Urano estava em quadratura exata com a Lua.

Em resumo, meu voto vai para Virgem. 

Angela Schnoor: a postura pessoal

Minha astrologia está longe da precisão das técnicas e da perspectiva impessoal das máscaras profissionais. Vejo pelo pessoal, afetivo, psíquico e íntimo.

Creio que o nodo sul em Escorpião da Dilma conduz bastante para a percepção do Maurice Jacoel (de um Ascendente em Escorpião). Não há dúvida de que Dilma tem o lastro do Escorpião em sua bagagem, mas não o Ascendente.

Dilma Rousseff presa políticaEntretanto, atenta à Dilma pessoa, menina de cara limpa e larga, de grandes óculos na adolescência, mãe de uma só filha no retorno de Saturno - regente da cinco, importante para quem tem Lua em Capricórnio.

Ao Urano quadrando o Ascendente e ao Marte virginiano na 12 - que me parece tão afeito a torturas minuciosas e escondidas, e mais à postura pública da mulher que se apresenta discreta no vestir e portar-se, com garbo e expressão tão firme, mas com uma boa dose de 'timidez' ou recato pessoal, me diz que seu Ascendente é Virgem.

O aspecto leonino aparece naquele Plutão de casa onze - a cara de quem tem orgulho e autorrespeito ao defender seus amigos e parceiros, doa O que doer.

Conheço algumas pessoas com o Leão na casa doze que trazem do inconsciente coletivo este autorrespeito e noção de individualidade, principalmente quando Saturno está ali. Alguém que sabe naturalmente governar, mas tem consciência de que veio a serviço dos outros.

Sou pelo Ascendente Virgem e, muito provavelmente, na hora escolhida, com técnicas de que não sou capaz, pela Hanna Opitz, amparada pela memória familiar.

Divani Terçarolli: os graus simbólicos

Uso muito os símbolos sabianos, especialmente quando é preciso definir o horário de nascimento. Por isso defendo que o Ascendente da “presidenta” está a 20°59’ de Virgem. Marc Edmund Jones sempre alertou que devíamos  usar o grau oposto também. Então,  arredondando, temos 21° Virgem-Peixes:

21° Virgem - Um time de basquete feminino;

21° Peixes - Um carneirinho branco, uma criança e um empregado chinês.

Marc Edmund JonesOs sabian symbols (símbolos sabeus ou sabianos) são imagens descritivas de cada grau do zodíaco, obtidas em 1925 pelo astrólogo americano Marc Edmund Jones (foto) através de uma médium em transe.

Considero a imagem desse grau a que mais se enquadra no caso de alguém que aceita a missão de disputar uma eleição e se mantém fiel ao “espírito de equipe” petista contra todas as previsões contrárias, de que a criatura se voltaria contra o criador, etc. Ela aceitou a incumbência e foi para o sacrifício. Como num time, uma organização grupal que congrega pessoas com um interesse comum através de metas orientadas pelo time. O grupo usa as habilidades coletivas para uma mesma meta. Nada de se preocupar consigo mesma, mas se trata de sacrifício pessoal em prol do grupo.

Dilma, nascimento à meia-noite

O carneirinho e a criança são símbolos de inocência (não havia nada contra ela, o “poste”, mas novo). O empregado chinês traz a ideia de alguém que está ali para servir, preocupado com o bem estar alheio, aceitando responsabilidades alegremente  pela recompensa espiritual ou como um meio temporário para outras metas. Mas existe o sacrifico de ter que aprender comportamentos (estrangeiros), estranhos para obter esses objetivos, ter que desenvolver paciência, carregar o bastão ou a cruz, com classe...

Fernando Fernandes: a aparência física

De todos os presidentes do país desde o final do regime militar, Dilma Rousseff foi aquela que parece ter chegado ao poder de maneira mais meteórica. Na verdade, não foi bem assim: Dilma fez uma longa carreira na tecnoburocracia e ocupou alguns importantes cargos executivos no Rio Grande do Sul e, mais tarde, no ministério de Lula. Apesar da experiência, passava ao eleitorado, com seu estilo discreto, a impressão de ser um novo nome na política. Esta característica pode ser associada a uma ênfase em duas casas: a casa 4, a das bases e das atividades que se desenvolvem num círculo muito restrito - uma família no sentido real ou figurado - e a casa 12, da atuação nos bastidores.

A clandestinidade e a prisão, significadas pela casa 12, também fizeram parte da biografia de Dilma Rousseff, em seus primeiros anos de militância. Se considerarmos para Dilma um mapa com Ascendente no início de Virgem, nada menos que cinco planetas - metade da carta - estarão nas casas 4 e 12, em concordância com o contido perfil da mandatária do país.

Marte próximo do Ascendente revela a mulher guerreira, combativa e de pavio curto. Marte seria, nesta carta, o regente clássico da casa 3, da fala e da organização do pensamento. Sua quadratura com Mercúrio, regente do Ascendente, no Fundo do Céu, contribuiria para explicar a dificuldade de Dilma para lidar com as palavras, que nunca fluem de maneira elegante, mas mesmo assim soam convincentes. Dilma tem um discurso truncado (Mercúrio em exílio e em quadratura com Marte), tortuoso, feio, mas por outro lado enérgico e carregado de investimento emocional (Escorpião). Uma análise fria mostra que Dilma não é uma mente brilhante, mas também está longe de ser a troglodita incapaz de conjugar sujeito e objeto, como querer fazer crer seus críticos. Percebe-se nela a preocupação de cercar-se de dados precisos, de evitar improvisações (foi isso que chamou a atenção de Lula, na época em que ele montava sua equipe, em 2003). Alguém que se preocupa em trabalhar com números exatos, que não confia em improvisos e tenta manter um pé na realidade... estamos falando de signos de Terra, evidentemente: Lua em Capricórnio e Ascendente em Virgem.

Outra confirmação do Ascendente pode vir da aparência física. Cada signo tem sua marca registrada, e todo ser humano costuma ter uma mescla de traços físicos de vários signos, com destaque para aqueles que recebem o Ascendente e o Sol. Dilma é uma mulher cheia, corpulenta, de voz autoritária, revelando de imediato seu Sol em Sagitário. Contudo, nela também estão presentes diversos traços virginianos, como a expressão crispada, o olhar atento e a aparência limpa e bem arrumada, apesar de despojada. Por obra de marqueteiros, Dilma chegou a parecer um tipo venusiano durante a campanha eleitoral, mas, depois de assumir o poder, retomou pouco a pouco a aparência de administradora mais à vontade no ambiente corporativo do que nos corredores de um shopping.

Alguns signos, quando presentes no Ascendente, dão ao indivíduo uma aparência que sugere vagamente determinados animais. Por exemplo: pessoas com Ascendente em Sagitário costumam ter a boca rasgada e dentes longos, lembrando o cavalo que representa o signo; Gêmeos no Ascendente costuma caracterizar-se pelos olhos muito próximos e pela extrema mobilidade facial - como um macaco; Peixes revela-se nos olhos aguados, ligeiramente saltados (como o dos peixes de verdade), e às vezes pelo estrabismo divergente; já Virgem costuma lembrar animais "construtores", aqueles que, na natureza, estão sempre ocupados em juntar gravetos ou cavar buracos, como castores, toupeiras e marmotas. Muita gente com Ascendente em Virgem pode ser dentuça, ou ter o lábio superior ligeiramente projetado sobre o inferior, ou ainda ser portador de miopia, ou estrabismo convergente. A energia parece estar toda concentrada na ponta do nariz, como se a pessoa estivesse examinando atentamente um objeto muito próximo. Uma observação cuidadosa de fotos de Dilma logo revelará algumas dessas características.

Dilma Rousseff e animais virginianos

Poderíamos também tentar comparar o mapa de Dilma com o de algum outro dirigente mundial cujo mapa apresentasse, como o que propomos para a governante brasileira, um Sol em Sagitário, um Ascendente em Virgem e Marte na casa 1. E sim, este mapa existe! Trata-se da conhecidíssima figura de Winston Churchill, primeiro-ministro do Reino Unido na difícil época da Segunda Guerra Mundial. Vejamos uma comparação de fotos:

Dilma e Churchill

O que mais salta aos olhos é que, mesmo quando estão rindo, esses governantes virginianos revelam uma certa preocupação o tempo todo, como se não conseguissem relaxar nunca (e não conseguem mesmo!).

Portanto, nossa hipótese é de que a atual presidente da República tenha nascido antes da meia-noite de 14 de dezembro e apresente um Ascendente nos primeiros graus de Virgem, em conjunção com Marte. Em outras palavras: 13 de dezembro de 1947, às 23h, o mesmo mapa proposto por Celisa Beranger.

Veja também: Barbara Abramo defende o Ascendente Libra; Henrique Dodsworth e Maurice Jacoel, Escorpião.

Outros artigos de Celisa Beranger, Angela Schnoor, Divani Terçarolli e Fernando Fernandes.

Comente este artigo |Leia comentários de outros leitores



Atalhos de Constelar | Voltar à capa desta edição |

Angela Schnoor, Celisa Beranger, Divani Terçarolli, Fernando Fernandes - Debate | Dilma Rousseff: o Ascendente em Virgem |
Barbara Abramo, Henrique Wiederspahn, Maurice Jacoel - Debate | Dilma Rousseff: Ascendente Libra ou Escorpião? |
Alexey Dodsworth - Um astrólogo no Vaticano | De Bento a Francisco, o que muda com o novo Papa | O mapa do Papa Francisco |

Edições anteriores:

Henrique Wiederspahn - Conclave no Vaticano | O sucessor de Bento XVI |
Alexey Dodsworth -
Técnica astrológica | Explorando mapas harmônicos |
Fernando Fernandes
-
A polêmica do mapa de Lula | Nunca antes na história deste país... | Qual o Ascendente? |
Fernando Fernandes -
Astrologia urbana | O incêndio da boate Kiss | Santa Maria da Boca do Monte |
Raul V. Martinez -
Rio de Janeiro | Os quatro avisos de um temporal inesquecível | O método das reiterações |
Fernando Fernandes
- Presságios 2013 | EUA e China, Gigantes em perigo |
Celisa Beranger - Presságios 2013 | O mundo na mira de Urano e Plutão |
Dimitri Camiloto - Presságios 2013 | Boas notícias para o Brasil |
Vanessa Tuleski - Presságios 2013 | Crescendo com Júpiter |
Carlos Hollanda - Presságios 2013 | Não fuja, Urano, Saturno e Plutão vão achar você! |



Cadastre seu e-mail e receba em primeira mão os avisos de atualização do site!
2013, Terra do Juremá Comunicação Ltda. Direitos autorais protegidos.
Reprodução proibida sem autorização dos autores.
Constelar Home Mapas do Brasil Tambores de América Escola Astroletiva