Constelar - Última edição
Um olhar brasileiro em Astrologia
 Edição 121 :: Julho/2008 :: -

Busca temática:

Índices por autor:

| A - B | C - D | E - F |
| G - L
| M - Q | R - Z |

Explore por edição:

1998 - 2000 | 2001 - 2002
2003 - 2004 | 2005 - 2006
2007 - 2008 | 2009 - 2010
2011 - 2013 |

País & Mundo |
Cotidiano | Opine! |
Dicas & Eventos |

ASTROTESTE: GENTE QUE VALE UM MAPA

Douglas Carrara, o militante da utopia

Fernando Fernandes

AstrotesteNeste Astroteste, o objetivo é descobrir, entre três alternativas, qual é o mapa do antropólogo Douglas Carrara, um cientista que decididamente não nasceu para ficar trancado num gabinete. Vamos ver se sua escolha foi acertada...

Você escolheu o mapa número 2? Parabéns, você acertou!

Astroteste - Mapa 2

Douglas Carrara - 26.3.1943, 19h45 - Rio de Janeiro, RJ - 043w15, 22s58.

Douglas Carrara em 1990Com Sol em Áries e Ascendente em Escorpião, Douglas tem uma dupla ênfase em Marte. E a presença do planeta guerreiro no libertário signo de Aquário já ajuda a explicar muitos elementos de sua biografia. Para começar, o lema que adotou e sempre imprimia, de forma desafiadora, em todas as edições do boletim de sua editora: "Independência se conquista!"

Se bem que a Lua esteja tecnicamente na casa 1, pode-se considerá-la como já atuando na casa 2, por conjunção com a cúspide. E a presença de um Grande Trígono em signos de Fogo e casas de Terra, envolvendo Lua, Sol e Plutão, revela Douglas como uma pessoa de energia inesgotável voltada para a produção, para o trabalho duro e para o alcance de objetivos palpáveis. Nesta interação fluente, encontramos entusiasmo, autoconfiança, um alto grau de pioneirismo e disposição empreendedora. Douglas é um "fazedor de coisas", que - como diz o ditado popular - nasceu com bicho carpinteiro e precisa de sarna para se coçar. Plutão no Meio do Céu, articulado com os dois luminares, entra como o tanque extra de combustível que dá consistência e maior profundidade às ações desse antropólogo incendiário. Não fosse por Plutão (e também por Saturno oposto à Lua e Vênus angular em Touro), talvez predominasse a dimensão mais turbulenta e inconseqüente dos signos de Fogo.

O regente do Ascendente na casa 4 mostra que um dos focos mais importantes das iniciativas de Douglas está relacionado aos assuntos desta casa, significadora das origens familiares e étnicas, assim como da ancestralidade. Basta lembrar que Douglas teve um trabalho reconhecido pelo Instituto Nacional do Folclore e que seu programa de rádio se chamava Raízes da Terra.

Um mapa com tantos indicadores de ação pode fazer-nos esquecer um aspecto essencial para a compreensão das motivações mais profundas de Douglas: a oposição Sol/Mercúrio-Netuno no eixo das casas 6 e 12. De um lado, é o aspecto que fala mais diretamente da poesia (Mercúrio, a palavra; Netuno, o ritmo e a fantasia). Mas é também, por outro lado, uma configuração generosa, que tende a colocar o indivíduo em ressonância com as grandes causas sociais e com as melhores utopias de sua época.

Não é fácil conviver com aspectos tensos de Netuno, especialmente quando afetam um dos luminares. O excesso de sensibilidade pode levar o indivíduo a perder-se em ações excessivamente desfocadas, a anestesiar-se em comportamentos escapistas ou a alimentar uma postura de vítima. A vontade solar precisa, neste caso, ter um vetor muito bem definido, sob risco de perder-se no meio do caminho em meio às névoas de Netuno. Para Douglas, este vetor surge no início dos anos 80, através da botânica e das pesquisas sobre medicina popular. É o período em que o estruturador Saturno, regente das casas 3 e 4 de seu mapa natal (as casas da produção intelectual e dos fundamentos emocionais, respectivamente), forma conjunção com Netuno e ativa, por oposição, o Sol. Uma década depois, quando Plutão cruza o Ascendente, nasce o projeto Naturo-Data, de documentação e automação de registros sobre práticas de fitoterapia.

Grande professor, enérgico e convincente, Douglas tornou-se um permanente propagador (Lua em Sagitário) de uma tecnologia em extinção. Suas pesquisas e cursos vêm contribuindo para que mais e mais profissionais de saúde dêem atenção ao repertório inesgotável de conhecimentos da medicina popular. Enquanto a maioria dos pesquisadores se perde nos meandros de um academicismo inócuo ou desperdiça energia atrás de verbas de pesquisa que nunca virão, Douglas arregaça as mangas e vai à luta (Sol em Áries na 6). E, com Plutão em Leão no Meio do Céu, eis o melhor retrato do escavador de tesouros: tal como um moderno caçador da arca perdida, Douglas debruça-se sobre as revelações de mateiros e rezadeiras com respeito e entusiasmo para trazer à tona um tesouro escondido - diretamente das raízes da cultura brasileira.

Conheça os donos dos outros mapas

Os dois mapas restantes são de conhecidas personalidades brasileiras. Clique nos mapas para descobrir quem são.

Astroteste - Mapa 1

Mapa 1 - Sol em Gêmeos, no Meio do Céu, conjunto a Urano e Mercúrio e em trígono com Netuno. Ascendente em Leão. Lua em Aquário, oposta ao Ascendente. Oito planetas acima da linha do horizonte. De quem é este mapa?

Astroteste - Mapa 3

Mapa 3 - Sol em Virgem, na casa 8; Ascendente em Aquário; Lua em Escorpião, na casa 10, oposta a Urano. Quatro planetas em Virgem, dois em Gêmeos. Nove planetas no hemisfério ocidental. De quem é este mapa?

Saiba mais sobre Douglas Carrara no site da Biblioteca Chico Mendes.

Visite: | Mapa 1 | Mapa 2 | Mapa 3 |


Atalhos de Constelar | Voltar à capa desta edição |

Astroteste - Gente que vale um mapa | Douglas Carrara, o antropólogo |
Ana Maria González - Resenha de livro | Frutiger e a Astrologia, pseudociência de sinais e símbolos |
Equipe de Constelar - GeA 2008 | Trocando figurinhas com Los Hermanos |
Hollanda, Dimitri, Fernando e Lúcia Torres | Ensino de Astrologia na Argentina | As duas maiores escolas do continente |

Edições anteriores:

Gregório José Pereira de Queiroz - As qualidades primitivas | O cerne movente da vida |
| Identificar linhas de força ou prever fatos? |
Carlos Hollanda - Em cima dos fatos | Isabella Nardoni e os polígamos do Texas |
Alexey Dodsworth - Astrologia e Filosofia | Astrologia e Ceticismo |
Ana Maria González - United Astrological Conference 2008 | Uma festa Astrológica em Denver |
Equipe de Constelar - Dicas e Eventos | Três congressos de inverno | Astrológica 2008 |
Daniel Nunes - Monografia interdisciplinar | Astrologia e Iridologia |


Cadastre seu e-mail e receba em primeira mão os avisos de atualização do site!
2013, Terra do Juremá Comunicação Ltda. Direitos autorais protegidos.
Reprodução proibida sem autorização dos autores.