Constelar - Última edição Astroletiva
Um olhar brasileiro em Astrologia
Edição 171 :: Setembro/2012

Constelar

Edição atual

Arquivos
1998-2014

Por edição

Índice por autor

Índice temático

Atualizações

Blogs

Escola Astroletiva

Como funciona

Currículo

Próximos cursos

Receba o boletim

 

Antonio OlívioAntônio Olívio, história de um precursor

O Almanaque do Pensamento, mais antiga publicação de conteúdo astrológico no Brasil, está completando um século. Seu criador foi Antônio Olívio Rodrigues, primeiro astrólogo profissional e pioneiro do marketing editorial no Brasil.

Irmã DulceIrmã Dulce, santa de Mercúrio

Mercúrio tem muitas caras. Esperto, bem falante e de mente rápida, usa a palavra para dobrar resistências e abrir oportunidades. Na Bahia, Mercúrio vestia-se de mulher e atendia pelo nome de Irmã Dulce.

Gregório de Matos GuerraGregório, o Boca do Inferno

Gregório de Matos Guerra, um poeta genial que as famílias baianas do século XVII queriam ver pelas costas. No seu mapa, configurações que falam de imprudência e compulsão para provocar. O Boca do Inferno acabou degredado - e não foi sem motivo!

Astrologia e estilos de gestão

Mais um trabalho de pesquisa envolvendo a Astrologia consegue aprovação no meio acadêmico. Desta vez, o tema é Gestão, Liderança e Influência Astrológica, apresentado como monografia de conclusão de um curso de Administração de Empresas. Faça aqui o download do texto integral.

Nos blogs de Constelar

Simpósio do Sinarj

Brasil, o país onde comeram o bispo

Um dos mapas mais importantes para a compreensão da identidade astrológica do Brasil é o da instalação do Governo Geral com chegada de Tomé de Sousa, em 1549. Essa mapa inaugura um padrão de permanente atrito entre o povo da terra e as autoridades, cuja vida nunca foi fácil: uma delas acabou virando comida de índio.

De Roma a Brasília, via Salvador e Rio

BaianaAs três capitais do Brasil desde o período colonial - Salvador, Rio de Janeiro e Brasília - têm em comum o mesmo Ascendente e o mesmo Meio do Céu. Ainda mais: essas três capitais reverberam o simbolismo astrológico da antiga Roma, mostrando que o Brasil ainda não chegou a completar sua desvinculação com a Europa.

Bahia, Lua do Brasil

Oficialmente, a primeira capital do Brasil teria sido fundada em 29 de março de 1549, com a chegada de Tomé de Sousa. Contudo, as cartas do Padre Nóbrega não deixam dúvida de que Salvador surgiu com o Sol em Touro, na manhã de 1º de maio, e Lua na casa 1.

Acervo de Constelar

O Ascendente de Dilma Rousseff: Virgem, Libra ou Escorpião?
Barbara Abramo, Fernando Fernandes, Divani Terçarolli,
Angela Schnoor e Celisa Beranger

Presságios 2013 - as previsões de cinco astrólogos
Vanessa Tuleski, Carlos Hollanda, Fernando Fernandes,
Dimitri Camiloto e Celisa Beranger

Heleno, o antagonista de si mesmo
Carta de amor às mulheres que não se amam
Vanessa Tuleski

A Astrologia Brasileira em Livros
A polêmica sobre o Ascendente de Lula
Santa Maria, a cidade do incêndio da boate Kiss
Bashar al-Assad, o lado escuro de Harry Potter
Fernando Fernandes

Novidades em mapas do Brasil

Um link direto para os vinte mapas mais recentes

Busca temática:

Índices por autor:

| A - B | C - D | E - F |
| G - L
| M - Q | R - Z |

Explore por edição:

1998 - 2000 | 2001 - 2002
2003 - 2004 | 2005 - 2006
2007 - 2008 | 2009 - 2010
2011 - 2013 |

País & Mundo |
Cotidiano | Opine! |
Dicas & Eventos |

 

BLOGS DE CONSTELAR

País & Mundo - Fernando Fernandse, Dimitri Camiloto e alguns convidados usam recursos de Astrologia Coletiva para entender um mundo em crise.

Cosmo & Cotidiano - Astrologia é simples. E pra usar, por Vanessa Tuleski.

Dicas & Eventos - Congressos? Livros? Workshops? É aqui mesmo!

Opine! - Um espaço de discussão dos artigos publicados em Constelar.



Mapas do Brasil

Mapas do Brasil: o site de pesquisa de dados de personalidades e eventos relevantes. >>

 


Cadastre seu e-mail e receba em primeira mão os avisos de atualização do site!
2013, Terra do Juremá Comunicação Ltda. Direitos autorais protegidos.
Reprodução proibida sem autorização dos autores.

Simpósio Sinarj Antônio Olívio Rodrigues Irmã Dulce Gregório de Matos